Teimando na Cozinha: Azedinho Doce

Essa semana bateu a vontade de comer algo azedinho e doce ao mesmo. Não estou falando do chiclete “azedinho doce” da Adams que fez parte da minha infância e talvez da sua também. Na verdade eu queria comer uma sobremesa gostosa, geladinha, refrescante e de preferência que não desse muito trabalho.

Lembrei que havia no armário da cozinha os últimos produtos Made in Brazil: leite condensado, creme de leite e suco concentrado.

Aí você pode me perguntar: “Ooooooo teimosa essas coisas não têm aí não?”. Minha resposta: “Mais ou menos!”

Que a verdade seja dita:

  • creme de leite: não vem enlatado, mas consegue-se encontrar em versões mais líquidas em caixinhas ou garrafinhas e que são vendidas somente sob refrigeração. Além disso, o prazo de validade é menor e dá muuuuuito trabalho. Trabalho porque precisa ficar batendo, batendo e batendo… aí quando você acha que está bom, bate mais um pouco até chegar numa consistência mais firme, ou seja, a geladeira não resolverá o problema;
  • leite condensado: é menos doce e eu acho até aceitável. Não é igual ao da Nestlé, porque não dá aquela sensação de descer a garganta ardendo de tão doce que é;
  • suco concentrado: nunca vi no supermercado. Porém, me indicaram a loja do tio “Ixalááááá” (apelido carinhoso que dei a ele por causa da novela “O Clone”). É um tiozinho indiano, que de vez em quando traz containers do Brasil recheado de produtos. O lado positivo é que da pra matar a saudade de alguns itens como a farofa, goiabada cascão, batata palha, suco concentrado, etc.. O lado ruim é que quando os produtos chegam já estão com a data de validade vencidas ou por vencer. Portanto, não dá pra estocar nada! Mas se quiser dá pra comer tudo vencido também… aqui nem liga pra isso mesmo.

Agora que você já sabe de como a teimosa brasileira aqui passa os perrengues nessa terra de gigantes, vou voltar para a vontade de comer uma sobremesa gostosa, geladinha e refrescante, tá?!

Com esses produtos na mão eu só podia fazer uma coisa: Creminho de Maracujá. Tratei logo de tirar a batedeira do armário, jogar tudo ali dentro, bater, colocar nos potinhos e refrigerar.

E o resultado ficou ótimo… afinal fui que fiz! 😀 😀 😀

Um perfeito azedinho doce… para azedar “o que você quiser” e adoçar a vida.

Vi ses… hej då! ;-)

4 thoughts

Dê vida a esse blog. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s