Midsommarhelgen… o feriado continua

Depois de uma semana bem intensa de atividades com uma amiga que esteve me visitando, eis que essa semana estou retomando as postagens do blog. Para variar estou bem atrasada com os acontecimentos, mas como eu já disse algumas vezes, eu não sou um exemplo de blogueira que costuma postar nas datas certinhas, afinal separar as fotos, sentar e escrever dá certo trabalhinho, sem dizer aqueles dias que bate a preguiça… mas como diz o ditado: antes tarde do que nunca.

Na semana passada eu postei sobre como foi o meu o Midsommar este ano e acho também interessante falar como foi o Midsommarhelgen. Apesar de o nome ser todo estrambólico, nada mais é do que o final de semana do Midsommar, já que o feriado ocorreu na 6a. feira.

No sábado eu queria sair para ver o movimento e comprar algumas coisas. Eu na minha santa ingenuidade achei que tudo estaria aberto e que conseguiria satisfazer ao meu desejo de gastar alguns “dinheirinhos”. Mas, qual foi a minha surpresa? Ruas desertas, comércio fechado e suecos de ressaca. Isso mesmo! É o feriado que a suecada e mais alguns gatos pingados aproveitam para encher a cara (só para constar, eu não faço parte dessa estatística, tá?).

Muitos estabelecimentos afixaram avisos que não trabalhariam no final de semana e é claro que eu só descobri isso no próprio final de semana. O ano passado eu não lembro direito como foi, mas com certeza deve ter sido da mesma forma, já que o planejamento sueco é difícil de ser alterado.

Com a decepção estampada na minha cara e sem ter muito que fazer, o jeito foi continuar caminhando pelas ruas da cidade na busca por um café, afinal eu precisava afogar as minhas mágoas de alguma maneira e um bom café acompanhado de um docinho sempre ajudam.

Eu e o maridão lembramos que havia uma cafeteria dentro do Trädgårdsföreningen (é o mesmo parque em que ocorreu a comemoração do Midsommar) e que talvez estivesse aberta. Impressionante como tudo estava tão organizado, limpo e tranquilo… nem parecia que havia sido palco de uma grande celebração no dia anterior.

E para a minha alegria finalmente consegui chegar perto do majstången para tirar uma foto :D.

Mas, para a minha tristeza, a cafeteria estava fechada :-(.

É impressionante como os suecos incorporam essa data em todos os sentidos e aproveitam o final de semana para curtirem as famílias, para descansar e quem saber para continuar enchendo a cara também.

No próximo ano vou precisar planejar melhor como eu quero passar esse feriado, seja abastecendo a geladeira, dormindo, bebendo, assistindo filmes ou simplesmente viajando.

Vi ses… hej då! ;-)

4 pensamentos

  1. Gostei de saber que eles realmente valorizam as famílias no feriado e que o comércio é fechado.Por aqui o comércio é aberto o dia inteiro e as famílias às vezes só se encontram por poucas hrs :(!

    Bjs

  2. Oii Vânia, tudo bem? Também quebrei a cara bonito, no dia que separei para conhecer umas certas lojinhas em Gotemburgo, marido e sogra de babás dos meus babies, tudo fechadíssimo! O jeito foi turistar, né?! Uma pena, mas se Deus quiser não faltarão oportunidades 🙂
    Quanto a coroa, vou esperar a minha ano que vem, vamos ver se rola da sogra fazer!
    Beijoooos

    1. Fiquei tão triste em ver que tudo estava fechado, mas acho que valeu o aprendizado.
      Quanto a coroa, também quero usá-la no ano que vem… mas acho que eu mesma terei de fazer!
      Beijos

Deixe uma resposta para ybbrocha Cancelar resposta