Masala Kitchen: o cardápio recheado de muita coisa apimentada

Masala Kitchen foi um dos lugares que eu me arrisquei a conhecer em Gotis City e tive a oportunidade de provar pela primeira vez a tal da tradicional comida indiana. O cardápio está recheado de muita coisa apimentada e o restaurante ainda espalha o aroma das especiarias em três unidades da cidade: Berzeliigatan, Nobelplatsen e Lindholmen.

Escolhi a unidade de Berzeliigatan para ter minha experiência fatal, justamente por ser próximo à região onde moro. O ambiente é pequeno, porém agradável, os funcionários são simpáticos, o atendimento excelente e os preços razoáveis. E mesmo sem reserva, eu e o maridão ainda fomos contemplados com uma boa mesa. No local havia indianos também, o que indicava que o lance da pimentinha deveria ser arretada mesmo.

   

No cardápio já dava para sentir o drama. Ao lado de cada opção de prato havia singelas pimentinhas, indicando a bendita da escala de quão apimentado era o prato: 1 para suave, 2 para moderada, 3 para forte e 4 para muito forte.

Obviamente, eu e o maridão optamos por uma única pimentinha, achando que o prato seria bem suave. Escolhemos o Coconut Prawn Curry, que é camarão temperado com alho, sementes de mostarda, folhas de curry e molho cremoso de coco, acompanhado de arroz (amo!) e um pãozinho de alho com coentro fresco.

O pão de alho era divino e muito saboroso. Os camarões eram gordinhos e estavam bem limpos… pelo menos até onde eu pude enxergar.

Mas e o teor apimentado? Putz, o treco era apimentado demais da conta! Devemos ter tomado pelos menos uns 2 litros de água cada um, pois a boca chegou até ficar adormecida.

Para a sobremesa a única a querer a diversão fui eu, porque o maridão a dispensou e eu tive de encará-la sozinha. Optei pelo Kulfi que era composto por dois sorvetes feitos pelo próprio restaurante, aromatizados com manga e nozes e de quebra ainda vinha calda de manga e framboesa. Mas quando chegou à mesa fiquei meio decepcionada, pois esperava outro tipo de apresentação. Sabe aquela vontade de comer com olhos? Passou longe! A primeira impressão é que os molhos de manga e framboesa pareciam mostarda com catchup. Com certeza poderiam ter caprichado mais.

No geral a comida não é toda ruim, mas a pimenta é extremamente forte. Ultimamente até tenho curtido um toque de pimenta na comida, mas definitivamente a comida indiana é too much pra mim. Foi legal a experiência, mas não pretendo repeti-la tão cedo.

Para quem gosta, aqui está uma opção para aproveitar e se apimentar.

Masala Kitchen – Berzeliigatan Horário de Funcionamento:
Berzeliigatan 7 2a. a 6a feira: 11.00 – 22.00
412 53 – Göteborg Sábado: 13.00 – 22.00
Domingo: 13.00 – 21.00

Vi ses… hej då! ;-)

4 thoughts

  1. Os restaurantes daí parecem ser bem agradáveis. Todos os que você mostrou até hoje, tem um arzinho de aconchegante, parece uma delícia.
    E ó! Já tive experiência com pimenta assim e minha amiga me disse que se tomar água, piora. Tem é que comer pão em cima! Daí fica a dica pra próxima vez, hahahaha.

    1. Oi Jax!
      E são aconchegantes mesmo por mais simples que sejam. Acho que esse toque das velas acesas deixa o ambiente bem charmoso.

      Ah, eu não sabia que a água só acentuava o ardido e olha que nós tomamos muita. Agora eu sei porque o ardor continuava ali firme e forte kkk. E olha só, o pão é que ajuda! Acho que da próxima vez, caso tenha uma próxima, vou pedir uns 10 pãezinhos em vez da água hahaha. 😀

      Adorei a dica e obrigada por compartilhar comigo!!! 😉

  2. Oi Vânia !!! 🙂
    #saudades de ler o blog ;p
    Hmm… a comida parece uma delícia pela foto, mas na hora da pimenta o bicho pega né, rsrs. E quanto ao sorvete eu achei que era ketchup #antes de terminar de ler o post e acho que eles sacanearam vocês com esse mini sorvete rsrs. Realmente a comida indiana é destaque pela pimenta, acho que é por isso que um tio meu gosta tanto (a mãe dele fez ele comer um prato cheio de pimentas puras quando pequeno… #acho que ela não era normal), mas enfim eu prefiro comida japonesa. E você já experimentou comida japonesa por aí ou não se anima com a culinária japonesa? (ps: eu nem sei se em Göteborg tem restaurante de comida japonesa), mas não me lembro onde li, que os suecos adoram experimentar a culinária de outros países, #também não sei se é verdade rsrs 🙂
    – Espero que não se canse de ler o meu mini texto, rs…

    2Beijos :*
    hej då!

    1. Oi Bonitinha!
      Imagina, eu nunca me canso de ler os seus comentários e adoro quando você visita o bloguinho. 😉

      Quando eu morava em São Paulo não comia pimenta de jeito nenhum. Agora que estou aqui, não sei bem ao certo o que aconteceu, mas até encaro alguma coisa levemente apimentada. Porém, essa coisa de comer e sair cuspindo fogo para todos os lados realmente não é comigo e achei a comida indiana muito forte. Agora, a sobremesa realmente me desapontou. O gosto não era ruim, mas a apresentação era péssima!

      Assim como você eu amo comida japonesa e aqui em Gotis City tem restaurante também. O único problema é que é muito caro e as porções são pequenas. Aqui não existe aquela coisa de rodízio farto como há no Brasil. Por isso quando vou às terras brasileiras sempre me acabo de comer. Mas vou te contar um segredinho: de uns 2 meses para cá, eu e o maridão aprendemos a fazer em casa. Claro que não somos profissionais, mas sempre que temos vontade compramos as coisas e sem dúvida o sabor “made in home” é muito mais gostoso. E olha só, até temaki aprendi a fazer… graças ao youtube!

      Volte sempre! 😀 😀 😀

      Um mega beijo.

Faça a teimosa feliz. Comente!