Fika: um ritual quase que religioso

A primeira vez que ouvi a palavra fika eu achei que tivesse alguma relação com o fato de você “ficar” com alguém, porque era um tal de fika pra lá, fika pra cá e fika a qualquer hora, que acabei tendendo para o lado malicioso, portanto, shame on me!

Na verdade, fika significa fazer uma pausa para se tomar um cafezinho ou outra bebida se preferir, com amigos, familiares ou conhecidos.

Normalmente esse break é acompanhando com qualquer tipo de doce, que pode ser um bolo, uma torta, um cookie, um pãozinho doce, uma massa folhada recheada com cremes, geleias ou castanhas, muffins, cheesecake, kanelbulle e por aí vai.

Fika na Suécia

O fika é considerado como um ritual na cultura sueca, pois além de poder beber e comer uma guloseima, ainda é o momento ideal para uma boa conversa. O café é servido em canecas, xícaras ou copos bem generosos. É aí que você consegue perceber o quanto os suecos gostam disso.

Fika na Suécia

Eu acho o café daqui bem forte se comparado ao brasileiro e mesmo assim consegui aderir totalmente à forma como os suecos o tomam: sem açúcar. Porém, o momento do fika não é somente para os amantes de café, pois um delicioso chá também é bem vindo. Em geral, os estabelecimentos disponibilizam aos clientes o chá a granel para infusão, que eu considero muito mais gostoso, mas há aqueles que oferecem apenas os tradicionais de saquinho.

Fika na Suécia

O mais legal é que esse hábito tão sueco pode acontecer em casa, numa cafeteria, durante o piquenique, no ambiente de trabalho ou em qualquer lugar que se queira, independente do horário. Ah, mas pode rolar um fika às 3h da madrugada? Pode sim senhor!

Fika na Suécia

Esse ritual é tão forte por aqui que em muitos locais de trabalho se instituiu o intervalo para café, não apenas como uma pausa no trabalho, mas também como uma reunião informal. E por quê? Porque as companhias suecas acreditam que o fikarasterna (as pausas de café) ajuda o sucesso da empresa, já que é o momento ideal para “limpar o cérebro” (como eles chamam), trocar ideias e experiências.

Mas não para por aí, pois as empresas suecas acreditam que essa simples pausa durante o expediente, ainda contribui para o aumento da satisfação do funcionário e ajuda a criar aquele sentimento de grupo. Sabe, isso é cultura!

Fika na Suécia

Não existe uma regra escrita para que todos os funcionários participem desse momento de socialização, mas aqueles que evitam o fika podem ser vistos com desconfiança pelos suecos. Acho que é bom ter a mente aberta e uma pausa não faz mal à ninguém, até porque terá muita coisa gostosa para comer, não é mesmo?

Fika na Suécia

É claro que esse assunto de fika me despertou certa curiosidade em relação ao consumo de café. Então, dei uma sapeada no site da Abic (Associação Brasileira da Indústria de Café) para descobrir quanto que os brasileiros tomam de café por ano e ver se o Brasil estava perto do percentual da Suécia. E sabe o resultado? Passou longe! Os brasileiros bebem em torno de 83 litros de café por ano, enquanto que os suecos chegam a consumir 156 litros. Fala a verdade, é muito café para uma pessoa só.

Fika na Suécia

E apesar de não ser sueca resolvi cair de cabeça na cultura do país. Hoje me considero uma das mais adeptas ao fika, pois além de me render ao sabor do café e ao charme das inúmeras cafeterias, ainda estou tendo a oportunidade de viver os hábitos locais e isso ninguém pode tirar de mim.

Fika na Suécia

Vi ses… hej då! 😉

14 pensamentos

  1. Na década de 1940 e 50 trabalhadores convidados italianos trouxeram espresso para a Suécia. A primeira xícara de café expresso foi vendido em 1959, na Suécia Piccolino em Hötorgshallarna, um mercado interno de alimentos, onde o mesmo contador de café pode ser encontrada até hoje. O moderno, take americanizada em bebidas de café expresso chegou no final de 1990.

    1. Oi Anna bem vinda!

      Olha, eu preciso confessar que não é só bom… é MARAVILHOSO! Isso já faz parte da minha rotina e é difícil não se deliciar com esse hábito sueco.

      Super beijo!

  2. Babei horrores na tela do pc! Menina, quanto comê bom, affff!!! Pena que só posso olhar!
    Agora, beber café sem açúcar… Nooooossa! Consigo não! O meu tem que ser mega doce e com leite (em pó)
    beijooooos

    1. É de lamber os beiços mesmo, né?! Mas ultimamente tenho tentado não comer doces assim durante a semana… agora faço isso só aos finais de semana.
      Café puro e sem açúcar eu também não consigo, mas encaro de boa um café latte ou um capuccino (que é sem chocolate).

  3. Esse fika já está em minha cultura, agora falta apenas meus chefes aderirem…. passarei a informação à frente!!!!!! Cultura e bate papo nunca é de mais!!!!!! Obrigada pelas dicas!!!!! 🙂

Faça a teimosa feliz. Comente!