Megaloppis: o Mercado de Pulgas em Majorna

No post anterior eu comentei que em pleno Dias das Mães aconteceu o Mercado de Pulgas no bairro de Majorna. Como eu estava indo visitar uma amiga que mora nesse bairro, resolvi prolongar o percurso e conferir o que rolava por lá.

Assim que desci da tram já vi logo de cara o alvoroço que as ruas estavam. Muita gente querendo desovar todos os objetos que já não tinham mais alguma serventia e outras vasculhando algo que ainda pudesse ser aproveitado.

Esse mercado é chamado pelos suecos de Megaloppis e é um evento realizado anualmente em Gotis City sempre no mês de maio. Só nesse ano cerca de 15.000 visitantes compareceram ao local e se divertiram com as 2.000 barracas que ali estavam. Barracas no bom sentido, porque muita gente espalhou as bugigangas como bem entendeu: gramados, caixas e caixotes, araras e banquinhos. Uma verdadeira quizumba!

O interessante é que os moradores têm permissão de colocar as “bancas” nas calçadas e praças de Majorna somente nesse evento, pois em dias normais isso é proibido. Ver algum camelô nessas ruas não faz parte do show.

Pelo o que eu andei lendo no jornal Göteborgs-Posten o evento foi sucesso total e os organizadores estão repensando como será feito para o próximo ano, já que as calçadas ficaram lotadas e cada centímetro foi bastante disputado nessa edição.

A galera também se virou como pode para comer. Muita gente levou seu lanchinho de casa e se esparramou pelos gramados.

Outros mais práticos optaram pelo tradicional korv (o nosso cachorro quente aí do Brasil).

E para quem não aguenta mais ver korv, ainda havia a opção dessa espécie de empanada preparada por um dos nossos hermanos da América Latina.

Teve gente que apostou em algo mais refrescante, vendendo morangos suculentos e suco natural bem geladinho.

Eu até pensei que encontraria algo interessante, mas fiquei meio decepcionada, sabe. Achei que a grande maioria das coisas estava bastante judiada, quebrada e em péssimo estado e que deveriam ir diretamente para a lata do lixo. Não sei me iludi um pouco com a imagem dos grandes Mercados de Pulgas americanos, que eu tanto assisti na TV e imaginei que aqui teria o mesmo perfil, mas eu me enganei.

Além disso, algumas pessoas surtaram completamente nos preços. Por exemplo, algumas roupas de crianças, que praticamente podiam ser jogadas fora pelo péssimo estado que se encontravam, estavam sendo vendidas a 100 coroas (em torno de R$ 33,00). Faltou um pouco de bom senso e fiquei com a impressão que muita gente queria ganhar dinheiro a todo custo.

Por outro lado algumas pessoas foram bem sensatas e tiveram seu espaço bastante procurado, principalmente os de blusas femininas, em que o preço girava em torno de 10 a 20 coroas (de R$ 3,00 a R$ 7,00).

Os livros para adultos e crianças estavam bem conservados e o preço estava entre 5 a 10 coroas (de R$ 2,00 a R$ 3,00). Por incrível que pareça até alguns brinquedos e bichinhos de pelúcia também estavam inteiros, como por exemplo, o Piu-Piu com cara de zangado.

Eu posso não ter achado nada, mas outras pessoas aproveitaram bastante e conseguiram o que queriam como esse alce de pelúcia e o tênis antigo com molas. Com certeza vendedores e compradores ficaram satisfeitos.

E olha que quem não conseguiu vender ou comprar alguma coisa, com certeza se divertiu bastante com os estilos alternativos que passavam por ali.

E eu não posso deixar de citar uma das figuras ilustres da cidade. O tocador de accordéon! Esse tio está presente nos principais bairros e em todos os eventos da cidade, tocando o seu accordéon e ganhando alguns trocados. Só tem um detalhe: ele toca sempre a mesma música do filme Poderoso Chefão. Há quase dois anos que estou aqui e ainda me pergunto, será que algum dia haverá algo a mais nesse repertório?

Eu só sei que essa coisa de Mercado de Pulgas me inspirou e talvez no próximo ano eu coloque uma arara bem chamativa de roupas do Brasil e ainda ganhe alguns dinheirinhos. Tenho certeza de que se os modelos não fizerem sucesso, as cores darão conta do recado, pois brasileira é sempre super colorida!

Vi ses… hej då! ;-)

8 thoughts

  1. Olá! Gosto muito das tuas fotos! E dos textos também é claro! Quer dizer que sueco é sem noção? Vendendo coisas que deveriam ir pro lixo? safadinhos rsrs

    Bjs

    1. Oi Maria Cleide, você sempre presente aqui o diário, né? Saiba que é prazer pra mim!
      Fico muito feliz quando os textos e as fotos, é claro, agradam quem está do outro lado da telinha. Olha, não sei se em todos os lugares é desse jeito, mas nesse mercado de pulgas o povo perdeu meio que a noção das coisas hehe. Mas o que eu vejo também é que eles muita coisa fora e coisa boa, viu?
      Puss! 😉

    1. Ultimamente tenho fotografado e muito qualquer coisa que aconteça na cidade. Acho que pra mim funciona como uma terapia, onde eu me “teletransporto” para outra dimensão. Posso te dizer que eu me diverti muito nesse Mercado de Pulgas!

      Puss!

    1. Se eu te falar que a 25 de março é muito melhor, você acredita? Tenho certeza de que se fosse eu teria deixado todas as minhas coroas lá 🙂
      Você tem razão, porque realmente me diverti bastante, tanto pelas risadas como pela terapia de fotografar!
      Super beijo.

  2. Oi Vânia!
    Uma das suecas que conheço disse que estava nesse mercado de pulgas e que os preços estavam absurdos. Ela também reclamou dizendo que muitos artigos estavam mais para a lata de lixo do que para um mercado de pulgas. Eu nunca compareci e por causa desse tipo de comentário não tenho nem um pingo de vontade de conferir. Acho muito mais legal ir a um second hand e deixar que meu dinheiro vá para alguma causa com sentido.
    Beijinhos!

    1. Oi MH!
      Eu concordo com você que uma second hand vale muito mais a pena do que esse mercado de pulgas que temos aqui em Gotemburgo. Fiquei muito desapontada mesmo, porque esperava bem mais desse evento. Fico feliz em saber que existem pessoas mais sensatas e que compartilham da mesma opinião que a minha. Agora, vamos combinar que se a gente vendesse nossas roupas lá, a galera ia pirar nos modelos brasileiros: bons, bonitos e bem conservados! 😉
      Beijos

Dê vida a esse blog. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s