Velas do Advento na Suécia

Acender as velas durante o período do advento é mais uma dessas tradições que fazem parte do calendário sueco. Apesar de ser um costume cristão, a gente percebe como essa tradição está mais do que incorporada à cultura deste país.

O advento começa a ser festejado quatro semanas antes do Natal, o que significa dizer que uma vela será acesa a cada domingo. E como em dezembro na Suécia há poucas horas de luz do dia, o primeiro domingo do advento vem como um sinal bastante aguardado, pois indica que o Natal está se aproximando e que haverá muitas luzes para alegrar as noites frias.

Mas não pense você que as velas queimam até o fim. Pelo contrário. Elas ficam acesas somente por um tempo e depois são apagadas. E enquanto cada uma delas vai sendo queimada, os suecos aproveitam esse momento para dar uma relaxada, tomando um glögg (vinho quente) e comendo algumas pepparkakor. Agora sim, o ritual está completo para uma perfeita entrada no clima natalino.

E como não podia deixar de ser, entre uma surfada e outra pelo mundinho da internet, acabei descobrindo o real significado dessa tradição das velas. Segundo o meu velho e idolatrado amigo Wiki é o seguinte:

“As quatro velas da coroa simbolizam as quatro semanas do Advento. No início, a coroa é sem luz e sem brilho, recordando a experiência de escuridão e de pecado. À medida que o Natal vai se aproximando, uma a uma das quatro velas vão sendo acesas, representando assim a chegada do Senhor Jesus, luz do mundo. E quando ele chega, acaba com toda a escuridão e traz aos corações a reconciliação tão esperada.”

Mas não para por aí, pois cada uma dessas velas tem uma representação toda especial:

  • Primeira vela: lembra o perdão concedido a Adão e Eva;
  • Segunda vela: simboliza a fé de Abraão e dos outros Patriarcas, a quem foi anunciada a Terra Prometida;
  • Terceira vela: lembra a alegria do rei David que recebeu de Deus a promessa de uma aliança eterna;
  • Quarta vela: recorda os Profetas que anunciaram a chegada do Salvador.

Os castiçais e as coroas de velas são bem mais bonitos e completam a decoração, mas nada impede que cada um use e abuse da criatividade ou adquira as velas do advento de acordo com seu estilo. Aqui estão alguns exemplos do que encontrei no comércio.

Outro jeito nada comum de festejar o advento é acender a vela um pouquinho todos os dias até a véspera de Natal como essa aqui que traz a marcação até o dia 24.

Preciso contar uma coisinha. Confesso que só tive contato com as velas do Advento e o seu significado depois que passei a morar por essas bandas. Me sinto envergonhada de dizer isso, mas essa é a verdade. O fato é que em minha família nunca seguimos esse ritual do advento e as velas sempre serviram somente como mera decoração no Natal. Mas depois de saber mais a respeito, fica difícil não se render a essa belezura… se bem que cada família sabe de suas tradições e rituais, não é mesmo.

E outra, o importante não é a religião, mas sim se “você pratica o bem, não importa a quem”.

Vi ses… hej då! 😉

13 thoughts

  1. Oi Vânia! Aqui tb há o costume de acender as velas para o advento e o significado é realmente muito bonito!
    Aproveito para te desejar um ótimo Natal, repleto de amor, paz e harmonia. Obrigada pela cia durante o ano e até mais :-). Bjs e boas festas!!!

    1. Sandrinha, bacana saber que os suíços também participam desse costume e isso é uma novidade para mim.
      Desejo um excelente Natal para você também e sou eu quem agradece sua cia. Vocé é uma pessoa muito especial.
      Puss!

  2. Além de lindo, tem um significado super bacana!
    E concordo exatamente com o que vc disse no fim do post! Independente de religiões, o importante é o bem, e o amor (:

    Um ótimo Natal!
    beijão

  3. “E quando ele chega, acaba com toda a escuridão e traz aos corações a reconciliação tão esperada.”Achei linda essa parte. Confesso que também não conhecia a tradição, mas amei e tem um significado muito bonito. E preciso concordar: religião não significa nada sem amor e sem fazer o bem.

    Feliz natal, minha querdia. Que 2014 seja um ano feliz para todos nós.
    Beijos

    1. Paulinha! É de um encanto só, né? Essa também é a minha parte favorita. Há tantas coisas a serem descobertas e eu adoro quando vejo tradições assim que mexem com a gente, muito mais pelas histórias do que pelo ritual em si.

      Um maravilhoso Natal para você e toda sua família. E pode ter certeza de que 2014 será o nosso ano. Você é uma querida! 😉

      Puss!

    1. Olá Bruxa do 203! Que nome mais original! Olha que eu adoro bruxinhas, mas dispenso as megeras haha. Eu sou como você, tudo que tem uma pitada de cultura estou dentro, afinal conhecimento nunca é demais :D. É super importante a gente respeitar não apenas as diferentes religiões, mas as opiniões também. E ultimamente tenho sentido isso na pele, afinal ninguém precisa concordar comigo, mas respeito é bom, né?!
      Um excelente Natal pra ti e seja bem vinda ao meu diário.
      Puss!

  4. Oi Vânia,
    Feliz Natal!
    Sendo ou não uma pessoa religiosa, o importante é toda a beleza de uma tradição. E, saber o pq dela.
    De fato, qdo criança, lembro-me de trabalhos na escola em que pintavamos velas, mas nunca soube exatamente o significado delas, e tb não devo ter perguntado. 🙂
    Não tenho bem a certeza, mas penso que atualmente há mais ateus e agnósticos do que cristãos na Suécia, não é?
    De qq forma, como já disse, é mto bonita toda essa tradição das velas, ainda mais a combinar com o frio e neve.

    1. Silvana, Feliz Natal pra você também
      Eu gostei bastante de saber um pouco mais sobre essa tradição e fiquei encantada. Tanto é verdade que eu mesma a incorporei aqui em casa. No caso da Suécia o que domina por aqui é o protestantismo. Agora esse ano o que faltou foi a neve mesmo. Eu diria que foi um dos Natais mais quentes do país. 🙂
      Puss!

  5. Que lindo Vanoca 😉
    Seu espírito natalino nos contando um pouco sobre a cultura desse país incrível e sobre as velas do Advento e o seu significado. Eu e a minha família não comemoramos o natal ,(apesar de eu achar muito bonito, as luzes, a decoração). Se bem que cada família sabe de suas tradições e rituais, não é mesmo! O importante mesmo não é a religião, mas sim se “você pratica o bem, não importa a quem”. Mesmo eu não comemorando o natal , eu respeito as opiniões e a religião/crença de cada um.

    Puss och kram 😉
    #GodJul

    1. É isso aí lindinha… respeito é bom e todo mundo gosta!
      Obrigada por estar mais uma vez aqui comigo.
      Mesmo você não comemorando o Natal, não tem problema. O importante é você ser feliz! 😉
      Puss!

Dê vida a esse blog. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s