Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Um dos meus lugares favoritos para caminhar em Estocolmo, sem dúvida, é o Monteliusvägen.

Conheci esse lugar em 2006, quando vim para a Suécia como turista pela primeira vez. É engraçado que naquela época não existia – pelo menos não que eu me lembre – blogs especializados de viagem. Muita coisa era descoberta através da indicação de pessoas que moravam na cidade ou pelo tradicional guia em papel.

E foi através da dica de um amigo que o Monteliusvägen me foi apresentado.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Esse é um lugar basicamente para caminhar e está localizado entre os edifícios de Mariabergets (Montanha da Maria), num dos lugares mais altos na costa da ilha de Södermalm em Estocolmo.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Mas o que tem de tão especial?

Primeiro que tem uma vista que eu considero fantástica para o Lago Mälaren e com uma caminhada de uns 500 metros, você entra numa trilha estreita com penhascos um tantinho quanto íngremes.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

E segundo que é considerado um dos melhores e mais românticos pontos de vista em Estocolmo. E de verdade? Eu assino embaixo! Você vai caminhando, curtindo e se deixando envolver pela paisagem do local.

Monteliusvägen: vista para Gamla Stan

Historinha

Esse ponto turístico não é tão velho assim, já que foi inaugurado em 1998. Ou seja, ainda tem muita história para rolar.

O projeto para a construção dessa passagem havia sido desenvolvido uns 20 anos antes, lá na década de 70. E quando o pessoal resolveu arregaçar as mangas e tirá-lo do papel, rolou a maior quizumba em Södermalm. Os moradores do local não queriam de jeito nenhum a tal da construção. Protestaram, espernearam e choraram no maior estilo nórdico de ser.

Qual era o motivo para todo esse alvoroço? O egoísmo! A questão é que o local se tornaria público, o que significaria dizer que o jardim, que era totalmente privado para os moradores dessa região, passaria a ser compartilhado com outras pessoas sabe-se lá de onde. Os moradores entendiam que fazer essa construção seria como uma invasão de privacidade e consideravam uma total falta de respeito com as pessoas que já estavam ali. Sabe, crianças mimadas que não sabem dividir o brinquedo novo? Foi dessa maneira que se comportaram.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Fora isso, morar nessa região, onde o Monteliusvägen fica, não é para qualquer um. São poucas as pessoas que podem se dar ao luxo de residir por ali. E ter uma movimentação a mais, de pessoas estranhas, era o que a galera menos queria.

No fim, esses protestos acabaram dando em nada, pois o projeto seguiu adiante. Os maiores beneficiários? Obviamente que os turistas, que lotavam e continuam chegando aos montes em Estocolmo todos os anos e os moradores de outras regiões que tiveram a oportunidade de aproveitar uma paisagem para lá de surpreendente.

E sabe quanto custou toda essa construção? A bagatela de 14 milhões de coroas, o que dá quase 5 milhões de reais na conversão atual.

De onde veio o nome?

Veio de um professor chamado Oscar Montelius, que viveu em Estocolmo de 1843 a 1921. Muito prazer prof! Ele era um arqueólogo, historiador e acabou se tornando membro da Academia Sueca lá em 1900 e guaraná de rolha.

Esse cara chegou a ser reconhecido internacionalmente, acredita? Por causa do seu trabalho arqueológico, ele conseguia determinar a idade dos objetos escandinavos como ninguém, desde os tempos mais remotos. Daí a bela maneira de homenageá-lo.

Para quem gosta de xeretar a vida alheia, saiba que ele viveu a vida toda na rua Sankt Paulsgatan, número 11, em Södermalm mesmo. Do Monteliusvägen até o prédio onde ele morou são 11 minutinhos de caminhada.

Casa onde o arqueólogo Montelius morou
Sankt Paulsgatan, 11 – Södermalm

A panorâmica

Lá do alto você consegue ver o Lago Mälaren, o City Hall – onde acontece o jantar do Prêmio Nobel -, a igreja onde os reis são sepultados (Riddarholmskyrkan) e a Cidade Velha (Gamla Stan). Se conseguir esticar bem o pescoço e dar uma espremida na vista ainda consegue ver ao fundo o Palácio Real (Kungliga Slottet).

Monteliusvägen: vista para o City Hall
City Hall – edifício do Conselho Municipal de Estocolmo
Monteliusvägen: vista para a Igreja dos Reis
Riddarholmskyrkan – Igreja dos Reis
Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm
Gamla Stan – o centro histórico de Estocolmo

O caminho é bem maneiro. De um lado você tem uma paisagem deslumbrante e do outro as casinhas e edifícios bem charmosos do bairro.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Ao longo da trilha, existem alguns espaços – tipo uns terraços – para se encostar e não atrapalhar quem quer passar e bancos para sentar. Há também mesas para fazer um lanchinho ou até mesmo um churrasco com aquelas churrasqueiras descartáveis. Tudo isso muito bem acompanhado da vista de tirar o fôlego.

Bancos e mesa para piquenique no Monteliusvägen

O parque

Bem ao lado dessa trilha tem um parque chamado Ivar Los park e que existe na região há uns bons 40 anos.

Estátua de Ivar Lo-Johansson
Estátua de Ivar Lo-Johansson

Nesse parque a galera aproveita e muito durante o verão para fazer piqueniques e contemplar a paisagem ao redor.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Quando a temperatura começa a cair se vê pouquíssimas pessoas nesse parque, mas é no verão é que a coisa pega fogo. Chega a ser até meio difícil achar um espacinho para sentar. Isso porque todos os suecos correm para lá. Pelo menos a moçadinha mais hipster e descolada da cidade.

As crianças têm um espaço reservado para se divertirem com alguns brinquedos em madeira, uma mini gruta improvisada e uma árvore para se esconder.

Caverna de folhas no Ivar Los park em Estocolmo
O caminho feito de folhas para as crianças
Árvore oca no Ivar Los park
Árvore oca para se esconder

A entrada do parque se dá pela rua Bastugatan 26 em Mariaberget. Lembra da montanha da Maria que eu comentei lá no início? Pois então, é no mesmo lugar. Você pode optar por entrar pela rua, sem problema algum.

Entrada para o Ivar Los park
Entrada para o Ivar Los park – Bastugatan, 26 – Mariaberget

Porém, eu recomendo que você siga normalmente a placa do Monteliusvägen e abra um portãozinho que há no meio da trilha. Pode abrir sem problema algum, mas depois lembre-se de mantê-lo sempre fechado, pois há crianças que brincam no local.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm
Portãozinho à esquerda

No geral, quem é turista não costuma fazer isso, porque desconhece o local e pensa que realmente é um lugar privado. Mas eu te digo, aproveite para entrar e tirar suas fotos a partir do parque porque vale a pena. Depois volte para a trilha como se nada tivesse acontecido.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

O local nem sempre aparece no mapa

Apesar da trilha ter uma bela vista para a cidade, saiba que você precisará caminhar um pouco. O lugar não fica colado a uma estação de metrô ou com uma parada de ônibus em frente. É preciso colocar as pernocas para se exercitar.

IMG_8295

Outra coisa é que nem sempre esse local aparecerá no mapa, pois é somente uma pequena passagem para caminhada. O que você precisa saber é que o Monteliusvägen é paralelo a rua Bastugatan.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Como chegar

Bom, como eu moro em Estocolmo sempre faço caminhos diferentes, isso porque cada hora venho de um lugar. Mas se você está a passeio na cidade, eu recomendo três opções:

Partindo da ilha de Riddarholmen. Se você estiver nas redondezas da Igreja dos Reis (Riddarholmskyrkan) deve levar uns 16 minutos caminhando. Você vem pela ponte paralela à Centralbron.

Partindo da ilha de Gamla Stan. Se você estiver na praça Stortorget, onde fica o Museu do Prêmio Nobel (Nobelmuseet) e os predinhos coloridos, você levará um pouco mais de tempo caminhando. Uns 18 minutos.

Partindo do metrô Slussen. Agora se você preferir vir de metrô ou dessa região de Södermalm, ali na Götgatan, você irá caminhar por 12 minutos.

Tudo depende de onde você está turistando e o quão disposto está para caminhar.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Dicas

Fotografia. Esse é o local ideal para ver o amanhecer ou o pôr-do-sol. Se puder deixe para visitar o local nesses períodos, é garantia na certa de uma bela fotografia. Se você gosta de fotos noturnas, no pico do verão terá de esperar para registrá-las lá pela meia-noite. No outono, a partir das 17h, já é noite e você consegue ver as luzes da cidade, mas não esqueça de levar o tripé ou algum apoio para que as fotos não saiam tremidas.

Monteliusvägen: vista para o City Hall

Se você não puder, relaxa. Durante o dia o local também é ótimo para visitar e o parque ao lado é super vazio.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Verão e inverno. No verão costuma ficar bem cheio, especialmente o parque, porque muita gente vai pra lá para fazer piquenique e curtir o espaço e a vista com a família e amigos. Fora da temporada, o local é bem mais tranquilo e frequentado basicamente por quem mora na cidade ou pelos turistas mais aventureiros.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Durante o inverno o desafio para caminhar é maior. Isso porque a trilha tem áreas em madeira e, às vezes, forma uma camada de gelo, o que torna o percurso bem escorregadio.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm

Bem no finalzinho da trilha não há proteção e de repente se você levar um escorregão daqueles pode ir ladeira abaixo. Apesar de existir algumas sinalizações – que estão em sueco – nessa hora todo cuidado é pouco.

Monteliusvägen: um panorama incrível na ilha de Södermalm
A placa informa “Sem manutenção no inverno”

Outra coisa. Esqueça as botas bonitinhas e cheias de frufru, porque elas não irão funcionar. O uso de um bom calçado de inverno é recomendável para a sua própria segurança.

Hoje essa é uma das atrações que eu considero bem bacana da cidade e que merece fazer parte de qualquer roteiro turístico. Então, que tal inserir esse lugar em sua próxima visita a Estocolmo, hein? Tenho certeza de que não irá se arrepender. É bonito, é prazeroso e é grátis. Fica a dica!

Vi ses… hej då! 😉

9 pensamentos

  1. como está a situação atual na suécia em relação aos imigrantes africanos e arábes? a muitos ou poucos? eles (alguns arábes) também cometem crimes graves como na frança? vou migrar pra suécia e meu receio é esse

  2. Nossa, que lugar lindo!! Me lembrou muito um lugar de Zurique (Lindenhof) que tem uma vista panôramica incrível!
    E que coisa encantadora deve ser Stockholm no verão hein!? Vontade de ir voando (literalmente) para a Suécia, hehe. Bjs

    1. E é mesmo Sandrinha! Adoro esse lugar em Estocolmo :).
      Eu estive recentemente na Suíça, mas foi uma viagem tão corrida que não deu tempo de ir nesse lugar que você mencionou. Mas espero poder voltar e poder desbravar cada cantinho de Zurique :D. Quando puder venha para cá, pois tenho certeza de que você irá adorar. Ah, sem dizer que Estocolmo é um pouco mais barata que Zurique.
      Puss!

Faça a teimosa feliz. Comente!