10 curiosidades sobre a Páscoa na Suécia

Como não poderia ser diferente a Páscoa sueca é repleta de símbolos, comidas e tradições.

Nos últimos tempos, é claro, a Páscoa para a maioria das pessoas no país não tem mais nenhum significado religioso como era láááá no século 12. Agora é muito mais relacionada a um feriado para passar com a família, relaxar e comer até dizer chega. Afinal, o mais importante é se divertir!

Para entender o que rola no país, aqui está 10 curiosidades sobre esse feriado tão queridinho dos suecos.

1. A origem da palavra

Páscoa em sueco é chamada de “påsk” e vem da palavra hebraica “pesah” que significa passagem. Isso ocorre porque a Páscoa é desde o início uma tradição judaica celebrada em memória do êxodo do Egito. Mas na Suécia ninguém liga muito para isso.

2. Galos, galinhas e pintinhos

Quem acha que o coelho é a atração principal se engana. Coelho fofinho, de olhos vermelhos e pelo branquinho é uma tradição relativamente nova para os vikings. Na Suécia a área é totalmente dominada pelos galináceos. Há galos, galinhas, pintinhos, ovos e penas para todos os lados.

3. A cor

É uma temporada digamos amarela. E essa cor vem do fato de que muitos dos símbolos que a Suécia tem na Páscoa parecem ser amarelos: as penas, os narcisos, as tulipas e as galinhas nos cartões de Páscoa. 

4. Ovos de chocolate? Ops, de papelão!

O ovo de Páscoa (påskägget) é um ovo de papelão, plástico ou até de alumínio com imagens decorativas de galinhas e que é preenchido com muitas guloseimas como jujubas, chocolates, pirulitos, balinhas, etc. Como os suecos não têm um coelhinho da Páscoa em sua comemoração, esses ovos são muito importantes, principalmente para as crianças. 

E só para você saber, aproximadamente 6.000 toneladas de doces são vendidas durante a semana da Páscoa.

5. Bruxinhas

O “påskkärring”, bruxas de Páscoa em português, é uma tradição bem antiga na Suécia. Segundo a lenda do século 17, as bruxas pegaram suas vassouras e voaram direto e reto para a ilha de Blåkulla (também conhecida como Blå Jungfrun), situada no estreito de Kalmar do Mar Báltico, para participar de um belo banquete com o diabo, justamente na Quinta-feira Santa.

Lenda a parte, atualmente as crianças suecas se vestem de bruxinhas por completo com vestido da avó, avental e um lenço amarrado sob o queixo. Elas pintam as bochechas de rosa e colocam sardas em seus rostos. Os meninos também não ficam de fora. Usam bigodes falsos e usam roupas formais ou divertidas.

As bruxinhas chegam até carregar uma vassoura, uma cafeteira antiga ou uma cesta e caminham pela vizinhança batendo de porta em porta, no maior estilo Halloween, distribuindo desenhos e desejando Feliz Páscoa, tudo isso na expectativa de ganharem ainda mais doces ou quem sabe um dinheirinho. 

6. Galhos de bétula

Qualquer pessoa pode comprar esses galhos de bétula em supermercados, lojinhas ou floriculturas e amarrar penas bem coloridas nas pontas (påskris). Além das penas, esses galhos também podem ser decorados com ovos pintados a mão ou de plástico mesmo. Galos, galinhas e bruxinhas também são usados ​​para decorar não apenas os galhos, mas também a casa toda.

Além disso, quando os galhos são colocados na água, pequenos brotinhos começam a surgir marcando assim o início da primavera. E aí vem toda aquela ideia do significado de renovação, afinal o longo inverno finalmente acabou.

Mas saiba que esses galhos têm implicações nem tão felizes assim, viu? Só para você entender, os galhos de bétula foram usados no século 17 para a flagelação na Sexta-feira Santa. Triste!

7. Comidas e bebidas

A famosa mesa de Páscoa (påskbordet) inclui arenque em conserva, batata, salmão, ovos, cordeiro assado, almôndegas e a tentação de Jansson (uma mistura cremosa de batatas, cebolas e anchovas). E para a sobremesa não poderia ser diferente: muito, mas muito doce.

Para beber há o “påskmust” que é o mesmo refrigerante servido no Natal (julmust), feito a base de especiarias com cravo e canela.

8. Casas de férias

A Páscoa é o primeiro fim de semana prolongado da primavera, aquele que começa na Sexta-feira da Paixão de Cristo (chamada de Långfredag) ou, em alguns casos, na Quinta-feira Santa (chamada de Skärtorsdag) e termina só na Segunda-feira de Páscoa (chamada de Annandag påsk). Para muitos significa a primeira viagem para a casa de férias para relaxar e curtir as temperaturas que começam a ficar mais amenas. 

9. Fogueiras

O costume de acender fogueiras (påskbrasor) na Páscoa foi desde o início para assustar as bruxas que, segundo a lenda, voavam para Blåkulla durante a Páscoa. Tradição essa que continua até hoje, principalmente em regiões mais afastadas ou em arquipélagos.

10. Competição de ovos

Na província de Skåne, no extremo sul da Suécia, a competição de ovos (äggpickning) é um jogo tradicional na manhã do domingo de Páscoa.

O objetivo do jogo é quebrar o ovo do oponente. As competições acontecem em muitos lugares, a maioria conhecida no cais de Simrishamn. Cada competidor deve trazer um ovo cozido pintado. Um árbitro examina os ovos dos competidores para garantir de que são ovos de verdade, antes que o jogo comece.

É uma verdadeira disputa de nocaute: os ovos são jogados uns contra os outros, até que um se quebre e perca. O vencedor recebe o ovo do perdedor e segue para encontrar o próximo competidor. Finalmente, quando restar apenas um ovo intacto o vencedor terá ovos suficientes para alimentar toda a família e vizinhos.

Bom, é isso! O que você achou dessas curiosidades, hein? São bem diferentes das que temos no Brasil, né?

Desejo a você uma Glad Påsk! Feliz Páscoa!

Vi ses… hej då! 😉

13 pensamentos

    1. E eu então?! Estou numa felicidade tremenda. 😀
      Olha, você é muito corajosa de experimentar esse peixe, mas acho que mudará de ideia quando sentir o cheiro haha.
      Valeu pelo carinho. Um grande beijo. Muáh!

  1. Vânia, estou adorando receber suas mensagens, essa é a 2a. Sou de Recife, conheci um sueco em New York, e a última vez que estive com ele, na Suécia, foi no final de janeiro de 2020. Nossa estória daria um romance no Netflix! Kkkk
    Desde então, não conseguimos da continuidade aos nossos projetos.
    Mas, acreditamos que tudo vai passar.
    Breve vamos estar juntos!
    Seu blog tem sido excelente para meu conhecimento da cultura Sueca 🇸🇪
    Muito obrigada 🌻

    1. Oi Catarina!
      Primeiramente, seja muito bem-vinda nesse espaço que eu amo tanto. Eu imagino como o seu coraçãozinho deve estar apertado e morrendo de saudades do seu sueco. Estamos vivendo um período estranho, né? E acho que a maioria de nós teve que adiar muita coisas e estamos só na expectativa de que tudo isso acabe logo. Oremos!
      Fico mega feliz em saber que o blog esteja te ajudando de alguma forma. Isso é o mais importante pra mim. 😀
      Vamos torcer para que seus projetos se tornem realidade em breve. Ficarei na torcida.
      Um grande beijo. Muáh! 😉

    1. Sem dúvida! Isso enriquece bastante a nossa visão de mundo, né?
      Feliz Páscoa meio atrasada pra você e sua família.
      Muáh!

  2. 👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏
    Sensacional…..muito diferente das comemorações brasileiras!
    Feliz Páscoa Vânia e muito obrigado!

  3. Eu te admiro muito pela sua capacidade de saber descrever a cultura sueca, parabéns 💪🤗☕️🇸🇪🇧🇷

  4. Eu amo as suas postagens sobre a cultura sueca… Feliz Páscoa pra vcs… Glad påsk till er…🐣☕️🤗

    1. Oi Maria! Você não imagina como fico feliz com isso.
      Espero que você e sua família tenha tinha uma excelente Páscoa! <3

Faça a teimosa feliz. Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.